100%

Projeto aprovado visa banir árvore africana de São Ludgero

Projeto aprovado visa banir árvore africana de São Ludgero Divulgação Internet

Foi aprovado em segunda votação o projeto de lei ordinária nº19/2018

Fica vedado não só o plantio, mas também a produção de mudas da “Spathdea Campanulata”, também conhecida como “Espadótea, “Bisnagueira”, “Tulipeira – do – Gabão”, “Xixi – de – Macaco” e “Chama – da – Floresta”. O projeto ainda incentiva a substituição das existentes no Município.
Esta árvore atinge de 7 a 25 metros de altura, e é nativa da África tropical. É utilizada com frequência como planta ornamental em zonas tropicais e é muito apreciada pelas suas vistosas flores campanuladas de cor vermelho-alaranjada, rubras ou, mais raramente, amarelas. Em condições favoráveis, a espécie é potencialmente invasiva. Tem raízes pouco profundas e são relativamente frequentes os casos de queda de galhos (podres), fazendo com que esta árvore não seja uma boa opção em centros urbanos.

O botão floral em forma de bisnaga contém água. Estes botões são usados em brincadeiras das crianças tirando partido da sua capacidade de esguichar o líquido (chamam-lhe por isso xixi de macaco). A seiva provoca manchas amarelas nos dedos e na roupa.

As flores abertas têm uma forma de taça e retém a umidade do orvalho ou a chuva, podendo tornando-se atrativos para muitas espécies de aves, apesar da toxidade apresentada para os mesmos, o seu néctar atrai muitos beija-flores e abelhas, justamente por isso a justificativa pela proibição é a causa de danos a fauna local, causando um desequilíbrio ecológico. Principalmente pela morte das abelhas nativas, sem ferrão (melíponas) que buscam seu néctar para a produção de mel, mas em contato com alcaloides tóxicos acabam morrendo. Além do desequilíbrio ecológico vem trazendo prejuízos para a apicultura local.
A fiscalização ficará por conta da Secretaria Municipal de Agricultura, Comércio, Industria e Turismo, que também deverá promover campanhas em torno do assunto.
O descumprimento do disposto sujeitará ao infrator, o pagamento de multa no valor de R$1000,00 (mil reais) por planta produzida, a ser aplicada em dobro no caso de reincidência.
 
Protocolos desta Publicação:Criado em: 22/05/2018 - 13:35:48 por: Amilton Becker - Alterado em: 22/05/2018 - 13:35:48 por: Amilton Becker

Notícias

Ponte de São Ludgero leva o nome de Adolfo Schlickmann
Ponte de São Ludgero leva o nome de Adolfo Schlickmann

A iniciativa da então vereadora Andreia é homenagear o cidadão saoludgerense senhor Adolfo Schlickmann, que antes mesmo das construções de pontes no cento do Município foi o precursor da travessia do Rio Braço do Norte em construção fluvial.

Noite de reconhecimento às mulheres de São Ludgero
Noite de reconhecimento às mulheres de São Ludgero

Na noite desta quinta - feira, 07, nove mulheres foram homenageadas com a Comenda "Mulheres que Inspiram", elas representam tantas outras de nossa sociedade que contribuem para um mundo melhor. As histórias foram pesquisadas e apresentadas pelo Assessor da Casa, Fernando Sombrio.

Bibliotecas públicas podem inscrever projetos em convocatória internacional de financiamento
Bibliotecas públicas podem inscrever projetos em convocatória internacional de financiamento

Por meio do Programa Ibero-Americano de Bibliotecas Públicas (Iberbibliotecas), dirigido pela Secretaria-Geral Ibero-Americana (SEGIB) e coordenado pelo Centro Regional para o Fomento do Livro na América Latina e Caribe (CERLALC), está aberta a 7ª Convocatória do Concurso de Ajudas. A iniciativa vai destinar US$ 240 mil para projetos propostos por bibliotecas públicas, comunitárias e populares dos países e cidades membros: Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, Espanha,...

Confira como foi a Sessão Solene de Instalação Legislativa
Confira como foi a Sessão Solene de Instalação Legislativa

O prefeito Municipal, Ibanês Lembeck, usou a tribuna e demonstrou satisfação em estar administrando o município, que sempre esteve junto com o ex-prefeito e agora deputado estadual, Volnei Weber, mas no momento o trabalho é diferente, onde assumiu novas responsabilidades. Agradeceu a parceria que existiu entre o Executivo e Legislativo, que este rendeu frutos positivos.

Telhado da sede da Câmara de Vereadores é reformado
Telhado da sede da Câmara de Vereadores é reformado

A preservação do patrimônio público dispensa apresentações quanto a sua importância. Pensando nisso, o atual presidente, Alexandre Pereira, iniciou o ano realizando obras de reparos no telhado da Casa Legislativa sãoludgerense. Troca de telhas, limpeza, aplicação de produtos impermeabilizantes e calhas novas.

Confira os assuntos da última sessão ordinária de 2018, realizada no dia 17 de dezembro
Confira os assuntos da última sessão ordinária de 2018, realizada no dia 17 de dezembro

Foi realizada a eleição para a direção da Mesa Diretora da Casa para o ano de 2019, conforme legislação vigente. Após o processo de votação ser iniciado e todos os vereadores votarem através da Tribuna da Casa, em voto aberto, o senhor presidente Benicio Warmeling proclamou o resultado, sendo que todos os eleitos receberam os nove votos possíveis na eleição. Ficando assim formada a nova Mesa Diretora da Câmara Municipal de São Ludgero para o ano de 2019:

Presidente vereador Alexandre Pereira, Vice-presidente vereador Laudi da Silva, Secretário vereador Benicio Warmeling e segundo secretário vereador Lucas Peters.